17 de abril de 2018

Macarons de chocolate com doce de frutos silvestres



Eu e os macarons!
São perfeitos, tão bonitos... com uma crosta tão estaladiça!
Gosto imenso de amêndoa por isso o sabor deles para mim é sempre bom!
Depois há dos sabores mais variados, limão, chocolate, framboesas, pistachios, doce de leite! Não sou esquisita... sabem-me todos bem eheh!
A tarefa de os fazer é que nem sempre sai bem! Ou é o forno ou não bato o tabuleiro com força para sair o ar! Às vezes em vez de macarons saem mesmo umas bolachas deformadas mas deliciosas!
Estes ficaram bonitos e muito bons :)


Ingredientes:
- 220g de açúcar em pó
- 110g de amêndoa ralada
- 25g de cacau em pó
- 3 claras
- 1 pitada de sal
- doce natura de frutos silvestres Quinta de Jugais


Preparação:
1 - Juntar o açúcar com a amêndoa e com o cacau.
2 - Bater as claras em castelo com uma pitada de sal.
3 - Envolver a mistura do cacau com as claras e colocar a mistura num saco pasteleiro.
4 - Colocar num tapete de silicone ou num tabuleiro forrado com papel vegetal e preencher com "círculos" de massa.
5 - Levantar o tabuleiro cerca de 5cm e deixar cair sobre a banca para que a superfície fique lisa. Deixar repousar 30min.
6 - Pré aquecer o forno a 150º.
7 - Colocar o tabuleiro no forno cerca de 12-15min.
8 - Deixar arrefecer. Quando estiverem frios colocar um pouco de doce de frutos silvestres no meio e unir os dois macarons.


11 de abril de 2018

Pão de azeitonas e ervas


Desde pequena que o pão faz parte do nosso dia a dias! E eu tenho muitas memórias felizes com as torradas com manteiga ao lanche quando chegavamos da escola, em casa da minha avó materna! Que torradas boas!
Na casa da avó paterna há um forno a lenha, e daí as recordações são das broas deliciosas de centeio! Tenho que as reproduzir, se bem que no forno normal não ficam tão boas!
Por aqui contento-me com o meu forno e o meu prazer em fazer pão e todo o processo dele levedar, esperar e sentir o cheiro do pão pela casa toda! Que coisa boa :) E depois, comer quentinho! Pode haver melhor?
Hoje trago um pão que ficou uma verdadeira delícia, um pão demorado, para fazer sem pressas e que resulta tão bem!
Desapareceu num abrir e fechar de olhos!


Receita baseada em: Healthy Baking - Jordan Bourke - Olive and herb yeasted bread

Ingredientes:
- 380mL de água
- 1 colher de chá de mel
- 7g de fermento de padeiro
- 100g de farinha de espelta integral
- 450g de farinha de espelta
- 1/2 colher de chá de sal
- 100g de azeitonas
- 75g de salicórnia cortada em pedaços pequenos (Ria Fresh)
- 4 colheres de sopa de ervas secas (cebolinho, orégãos, manjericão, salsa e coentros)


Preparação
1 - Numa mata misturar a água, o mel e o fermento de padeiro e deixar de lado cerca de 10min.
2 - Noutra taça juntar as farinhas e o sal.
3 - Adicionar a mistura do fermento e da água, as azeitonas e as ervas e misturar bem até que não haja grumos na massa. Cobrir e deixar à temperatura ambiente 1h.
4 - Com uma mão ligeiramente enfarinhada para prevenir que a massa agarre, esticar e dobrar a massa, pegando massa da base e esticar e pressionar com o dedo até ao lado oposto. Repetir este movimento 4 vezes até fazer em toda a massa. Cobrir e deixar descansar 15min. Repetir o processo mais 3 vezes, deixando descansar 15min entre cada amassar. Todo este processo demorará 1h, mas apenas 2min de trabalho de mãos.
6 - Cobrir e deixar num local morno até que a massa duplique o tamanho (cerca de 1h).
7 - Uma vez a massa duplicada de tamanho, Polvilhar um cesto com farinha de arroz. e polvilhar também a banca de trabalho com farinha de arroz e colocar sobre ela a massa. Com as mãos enfarinhadas, pegar na borda da massa e puxá-la para cima e para fora, depois voltar e colocar no centro da massa. Repetir este processo em todos os lados da massa.
9 - Virar a massa para que o centro onde se unem todos os lados puxados fique voltado para baixo.
10 - Colocar as mãos em torno da bola de massa e moldar até que fique uma bola suave e bem ligada.
11 - Transferir para o cesto e cobrir. Deixar num local morno durante 40-60min, até que dobre o tamanho.
12 - 30min antes de duplicar o tamanho colocar uma forma metálica no forno e ligar a 230º.
13 - Cuidadosamente remover a massa do cesto para a forma que está no forno (atenção que está muito quente) e levar ao forno 30min tapado.
14 - Remover a cobertura e levar ao forno mais 10-15min até que a crosta fique dourada.
15 - Deixar arrefecer numa grelha.


2 de abril de 2018

Granola de avelã e manga



Adoro granola caseira! Se há coisa que por aqui sabe bem é ter o frasco cheio com granola!
Sabe bem aos pequenos-almoços, lanches e a mim sabe-me particularmente bem enquanto cozinho ir roubando uma mão cheia :)
Dos pequenos almoços preferidos é mesmo um iogurte, fruta fresca e uma granola crocante, ou iogurte com manteiga de amêndoa/amendoim e granola!!
Esta é com manga desidratada que comprei nas minhas viagens mas dá para usar com qualquer outra fruta! Com banana também deve ficar deliciosa, é bem estaladiça e fica sempre bem!
Por aqui estou sempre a trocar, ou os frutos secos ou as sementes ou a fruta e resultam sempre granolas tão boas :)
Qual é a vossa mistura preferida?


Ingredientes:
- 2 chávenas de flocos de aveia
- 1 chávena de arroz puff
- 1/2 chávena de sementes de girassol
- 1/4 chávena de sementes de linhaça
- 1/4 chávena de sementes de sésamo
- 1 chávena de avelãs
- manga desidratada (sem açúcar)
- 2 colheres de sopa de manteiga de amendoim
- 3 colheres de sopa de maple syrup


Preparação:
1 - Levar as avelãs ao forno a 180º durante 15min para lhes retirar a pele. Reservar.
2 - Misturar os flocos de aveia, o arroz e as sementes.
3 - Juntar-lhes a manteiga de amendoim e o maple syrup previamente misturados e mexer tudo com as mãos.
4 - Dispor num tabuleiro com papel vegetal e levar ao forno até que a granola fique dourada.
5 - Adicionar a manga desidratada cortada aos pedaços e as avelãs.


27 de março de 2018

Babka de chocolate, canela e nozes



Esta foi a primeira babka que fiz!
Ficou maravilhosa!
A massa óptima bem como o recheio! Adorei!
É um pão doce, tipo brioche, recheado (neste caso com chocolate) e entrançado! É de origem judaica, de leste. Normalmente é recheado com frutos, frutos secos, canela ou chocolate.
É o equivalente ao nosso folar da Páscoa!
Depois, a querida Lia já me deu outras receitas e acabei por fazer uma com recheio de pistachio também maravilhosa!


Aproveito para vos desejar uma óptima Páscoa, bem docinha e na melhor das companhias!
E se tiverem tempo experimentem esta babka! Ela voa em três tempos :)


Receita baseada em: Healthy baking - Jordan Bourke - chocolate, ciinamon and peca babka - pag 80

Ingredientes:
- 80mL de leite de amêndoa
- 5g de fermento de padeiro
- 100g de farinha de aveia integral
- 210g de farinha de espelta
- 60g de açúcar de coco
- 1 ovo
- 70g de óleo de coco
Para o recheio:
- 100g de chocolate 81% cacau
- 20g de cacau em pó
- 75g de açúcar de coco
- 1 1/2 colheres de chá de canela
- 30g de óleo de coco
- 50g de nozes partidas grosseiramente
- mel para pincelar


Preparação:
1 - Aquecer o leite até que este esteja morno. Juntar o fermento e reservar durante 10min.
2 - Misturar as farinhas e o açúcar.
3 - Adicionar o ovo, o leite com o fermento e o óleo de coco até que a mistura forme uma bola. Continuar a bater até se obter uma massa leve e brilhante. Reservar durante 30min.
4 - Depois, cobrir a massa e levar ao frigorífico durante a noite.
5 - No dia seguinte preparar o recheio, derretendo o chocolate em banho maria.
6 - Retirar do lume e juntar o cacau, o açúcar, a canela e o óleo de coco  e misturar até que o açúcar esteja dissolvido e o óleo de coco derretido.
7 - Triturar as nozes e adicioná-las à mistura do chocolate e deixar arrefecer.
8 - Polvilhar a banca com farinha e colocar a massa, formando um rectângulo 36x26 (A massa vai estar um pouco dura de estar no frigorífico). É normal que as pontas não fiquem perfeitas mas nem se nota depois de cozinhado.
9 - Colocar a mistura de chocolate sobre a massa, deixando cerca 1cm nas margens sem a mistura.
10 - Enrolar a massa do lado mais longo até ao outro, formando um cilindro com cerca de 36cm de comprimento.
11 - Com uma faca afiada cortar o rolo ao meio, desde o topo até ao fundo, formando duas metades iguais. Caso a massa esteja muito mole e difícil de trabalhar colocar no frigorífico por mais 15-20min. Pressionar as pontas de uma das extremidades dos dois rolos da massa.
12 - Cruzar um dos rolos da massa pelo outro até chegar ao fim e pressionar no final para que se juntem.
13 - Transferir para uma forma e deixar numa zona quente cerca de 1-2h até que a massa cresça.
14 - Pré-aquecer o forno a 200º e cozinhar a babka por 30-35min até ficar dourada.
15 - Remover do forno e pincelar com mel. Deixar arrefecer para que absorva todo o mel, remover da forma e servir em fatias.